05/10/2017

Diretor do Cemaden fará palestra sobre gestão de riscos a desastres naturais

Escrito por: Ciências Atmosféricas UFOPA | Horário: 11:36 | Arquivo:




O curso de Ciências Atmosféricas da UFOPA promove, na manhã da segunda-feira, 9 de outubro de 2017,  a palestra “O Papel do CEMADEN no Plano Nacional de Gestão de Riscos e Resposta a Desastres Naturais”, a ser ministrada pelo diretor do Centro Nacional de Monitoramento e Alertas de Desastres Naturais, Osvaldo Luiz Leal de Moraes. Aberta ao público e à comunidade acadêmica, a palestra será realizada, a partir das 9 horas, no auditório Pérola do Tapajós, anexo à Unidade Amazônia, Campus de Santarém.
Organizada pelos professores Cintya de Azambuja Martins, Rodrigo da Silva, Julio Tóta e Gabriel Brito Costa, atual coordenador do Bacharelado de Ciências Atmosféricas do Instituto de Engenharia e Geociências (IEG), a palestra visa a divulgar a importância de se ter uma boa previsão de eventos extremos e desastres naturais, bem como conhecer a atuação da equipe em disseminar conhecimentos sobre a prevenção de acontecimentos de eventos extremos de grande escala que afetam a região amazônica.
Doutor em Física pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), com pós-doutorado no Atmospheric Sciences Research Center da State University of New York (SUNY), Osvaldo Luiz é professor associado da Universidade Federal de Santa Maria (UFSM) e ocupa o cargo de diretor científico da Sociedade Brasileira de Meteorologia. Representante brasileiro no Comitê de Especialistas de Meteorologia do Mercosul para a criação do Centro de Meteorologia do Mercosul, Osvaldo Moraes atua na área de Geociências, com ênfase em Micrometeorologia. O pesquisador foi coordenador do Centro de Previsão de Tempo e Estudos Climáticos (CPTEC) do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (INPE) e dos Programas de Pós-Graduação em Meteorologia e em Física da UFSM.
Vinculado ao Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC), o CEMADEN tem como objetivo principal realizar o monitoramento e emitir alertas de desastres naturais que subsidiem salvaguardar vidas e diminuir a vulnerabilidade social, ambiental e econômica decorrente desses eventos. O Centro foi criado em julho de 2011 com intuito de, em parceria com várias instituições, implementar, complementar e consolidar a rede de instrumentos meteorológicos, hidrológicos e geotécnicos para monitoramento ambiental.

·         Palestra “O Papel do Cemaden no Plano Nacional de Gestão de Riscos e Resposta a Desastres Naturais”;
·         Palestrante: Osvaldo Luiz Leal de Moraes, diretor do Centro Nacional de Monitoramento e Alertas de Desastres Naturais (Cemaden);
·         Dia 9 de outubro, às 9 horas, no auditório Pérola do Tapajós, anexo à Unidade Amazônia, situada na Av. Mendonça Furtado, nº 2946, bairro de Fátima, em Santarém (PA).

google+

linkedin